PROMOÇÃO - Magazine Luiza - NÃO PERCA!

Publicidade:

Encontre no blog...

20/03/2011

A importância do Discernimento

discernimento

A importância do discernimento

O “discernimento” é o ato ou faculdade de discernir, isto é, distinguir uma coisa de outra: cores, formas, tamanhos, sabores, aromas, texturas, significados, pensamentos, ideias, proposições, etc.

Consiste também na capacidade de julgar as coisas de maneira clara e sensata, com critério e juízo.

Em se tratando de coisas materiais o discernimento depende de nossa acuidade sensorial; em se tratando, porém, de situações e fatos subjetivos, depende da agudeza mental, do raciocínio, da versatilidade de conhecimentos, e da flexibilidade de pontos de vista.

É considerável a importância do discernimento quando se pretende analisar situações, tomar decisões e fazer julgamentos corretos. Muitos dos nossos desacertos e consequentes arrependimentos decorrem da precipitação, da imprevidência, e da falta ou falha no discernimento.

Tal consideração deveria ser levada em conta quando se propõe reformular currículos e programas de formação educacional: Por que não se preocupar com o desenvolvimento da capacidade de discernir nos procedimentos formais voltados para a formação educacional nas escolas? Por que não equacionar o problema da falta de discernimento entre os responsáveis pelas decisões políticas e sociais?

Com um pouco de atenção podemos notar a nossa dificuldade de discernimento para tomar decisões, em casa, no trabalho, e em diversas situações sociais.

O aprimoramento da faculdade de discernir o certo  do errado, o bem  do mal, o bom do melhor, o mais do menos conveniente, etc. facilita e qualifica as decisões e providências.

Luiz Gonzaga S. Ferreira - Araraquara, 13/03/2011

Fonte: Escola da Vida / Escola da Vida II

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Post? Então espalhe!

Quem está curtindo...

Encontre no blog...

Gostou? Então espalhe!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More