PROMOÇÃO - Magazine Luiza - NÃO PERCA!

Encontre no blog...

07/10/2012

Quando usar por que, por quê, porque ou porquê..

porque

Uso do PORQUÊ

Uma dúvida muito comum na língua portuguesa é o uso correto da palavra “porquê”, que aparece de várias formas dependendo da sua classe gramatical e a posição que se encontra na frase. A seguir, mostraremos uma regra fácil para você utilizar o “porquê” de maneira correta…

Quando usar “por que”, “por quê”, “porque” ou “porquê”

Por que

Por que: Preposição + pronome (frases interrogativas)

_ Por que não veio ontem?

_ Gostaria de saber por que não partimos.

Por que: Preposição + pronome relativo equivalente a pelo qual

_ Ela é a mulher por que me apaixonei.

_ Não conheço as pessoas por que espero.

Por quê

Por quê: Preposição + pronome (frases interrogativas) – acompanhado de (.!?...) – ponto, exclamação ou reticências.

_ Você precisa por quê?

_ Ela não veio por quê?

_ Gostaria de saber por quê.

Porque

Porque: conjunção coordenativa de explicação (equivalente a pois).

_ Ela não veio porque estava doente.

_ Venha logo, porque a sua presença é indispensável.

Porquê

Porquê: substantivo - sempre acompanhado de uma palavra que o caracteriza (artigo, pronome, adjetivo ou numeral).

_ Qual o porquê desta revolta?

_ Deve haver um ou mais porquês para ele se atrasar tanto.

byALF


Leia também:

“Faz” dez anos ou “Fazem” dez anos?

Perca ou Perda? Menos ou Menas? Meio ou Meia?

EM NÍVEL ou A NÍVEL DE

Onde ou Aonde? Mau ou Mal? Há ou A?

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Post? Então espalhe!

Quem está curtindo...

Encontre no blog...

Gostou? Então espalhe!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More