PROMOÇÃO - Magazine Luiza - NÃO PERCA!

Encontre no blog...

03/05/2011

Lista dos sites que não entregam produtos aos compradores – Divulgado pelo Procon (utilidade pública)

Logo_Procon

Não caia na armadilha

Cuidado na hora de comprar produtos através de sites eletrônicos (e-commerce), é o que alerta o Procon-SP (Procuradoria de Proteção e Defesa do Consumidor de São Paulo).

Segundo o Procon em comunicado, pelo menos 19 sites foram identificados por venderem seus produtos e não entregá-los aos compradores, sendo que muitos deles ainda continuam ativos. Os sites detectados atuam em diversas áreas que vão de calçados a loja de produtos estéticos, onde algumas destas empresas, além de não entregarem os produtos comprados, também não são encontradas nos endereços oficiais.

Acesse a lista completa no link: Sites e-commerce que não entregam o que prometem aos compradores

O processo padrão utilizado pela entidade para denunciar uma empresa é: após receber a reclamação de consumidores, enviar uma carta para a companhia para prestar esclarecimento. Caso a empresa não dê resposta, é aberto um processo administrativo. Alguns casos vão até parar no DPPC (Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania).

LEIA O COMUNICADO COMPLETO AQUI: Compras pela Internet

Segurança-no-E-commerce

Dicas aos consumidores (de acordo como o Procon)

A internet introduziu na rotina das pessoas a possibilidade de contratar serviços e fazer compras sem sair de casa. Usufruir dessas facilidades, porém, requer alguns cuidados para evitar fraudes, golpes, uso indevido dos dados pessoais, dentre outros problemas.

Fique atento a algumas dicas importantes:

  1. *antes de fechar a compra, faça pesquisa no site da Fundação Procon-SP, www.procon.sp.gov.br , para verificar se a empresa tem registro de reclamações.
  2. *desconfie de preços abaixo da média do mercado;
  3. *verifique no site registro.br os dados da empresa, tais como, razão social, endereço, CNPJ. Se o domínio for .com ou .net, cheque onde o site está hospedado através dos seguintes sites: whois.domaintools.com, who.is, whois.com; fique atento se o site estiver hospedado fora do Brasil;
  4. *desconfie de sites que exigem depósito em conta corrente de pessoas físicas ou depósitos em caderneta de poupança;
  5. *consulte as redes sociais para verificar se existem registros de reclamações;
  6. *verifique o endereço físico da empresa, telefones, e-mails e quais os procedimentos para reclamação, devolução, garantias, etc;
  7. *guarde todos os dados das compras: o nome do site, itens adquiridos, valores pagos, número do protocolo da compra ou pedido;
  8. *exija sempre nota fiscal  da compra.

Clique aqui e veja outras dicas no informativo divulgado pelo Procon-SP.

 


Leia também: 10 dicas de segurança nas compras online

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Post? Então espalhe!

Quem está curtindo...

Encontre no blog...

Gostou? Então espalhe!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More